19ago

Casas de passarinho ecológicas

Há várias opções nesse quesito e com os mais variados materiais, aqui vamos dar dicas de algumas opções.

A primeira que vamos falar é a da empresa Greenbird House. As casinhas são feitas de papel reciclado e as tintas empregadas são à base de soja e biodegradável. As casas podem ser customizadas e cada custa US$12,99.

A segunda idéia é da loja DinnerTimeChimes. Reutilizar aquele seu sapato velho e furado e transformá-lo em uma casa de passarinho ecológica. Infelizmente todos já foram vendidos, mas fica a idéia para fazer em casa.

A última é uma oportunidade para as eleições de 2010. Transformar placas de propaganda em casas de passarinho utilizando apenas lacres plásticos. Siga o tutorial no Flickr do pessoal do Les fourmis.

Você tem uma dica de casa de passarinho ecológica? Mande para gente blog@rodrigobarba.com

7ago

LEDs são mais eficientes que lâmpadas fluorescentes

Embora seja de conheço comum que as lâmpadas LED usam pouca energia para produzir a mesma quantidade de luz que as lâmpadas incandescentes e fluorescentes compactas (as chamadas econômicas), o seu ciclo de vida havia sido pouco estudado até recentemente.

Um novo estudo lançado pela Osram da Alemanha e conduzido pela Siemens Corporate Technology Centre for Eco Innovations comprovou a eficiência do LED em relação as lâmpadas fluorescentes.

Uma lâmpada LED (ciclo de vida energético de 25.000 horas) usa menos energia do que 25 lâmpadas incandescentes  (com ciclo de 1.000 horas cada) e do que 2.5 lâmpadas fluorescentes (com 10.000 horas cada). Durante os testes a lâmpada incandescente consumiu 3,300kWh, enquanto as lâmpadas LED consumiram menos de 700kWh.
Os valores específicos da diferença devem ser divulgados em um relatório completo em Outubro, informou a empresa.

As lâmpadas LED são mais eficientes e mais “verdes” uma vez que não utilizam mercúrio, ou vapor de mercúrio como as fluorescentes compactas.

Foto de SimpleRich (Flickr CC)
Via NYTimes / Osram

6ago

Pastor constrói igreja com 10 mil garrafas PET em SC

Essa foi a notícia que o site do G1 deu na última segunda-feira. Trata-se de um projeto liderado pelo pastor Jeremias Ferreira, que com 10 mil garrafas PET construiu esse templo em Tubarão-SC. Com a ajuda das doações das garrafas e quatro meses de trabalho a igreja ficou quase pronta, faltando apenas o telhado. Leia mais no site do G1 e veja mais fotos no OlhaAqui

31jul

Jogo de jantar ecológico

Os pratos, tigelas e vasilhas ecológicos criados pela VerTerra são feitos a partir de folhas de palmeiras.

Mas não é só o material que é ecológico. O processo de produção é realizado sem o uso de químicos ou colas, e segundo a empresa cerca de 80% da água usada no processo de vaporização e compressão é reciclada.
Os produtos além de tudo são compostáveis, ou seja, se transformando em adubo no final do seu ciclo de vida.

Para comprar basta ir até o site da VerTerra. O conjunto com 12 peças saí a partir de US$25,00.

A empresa que iniciou suas atividades em 2006 por Michael Dwork, ganhou no mesmo ano ganhou dois prêmios de US$100.000 para dar um gás em seu projeto.

28jul

Cadeira ecológica para crianças

Vi essa cadeira no blog Eco Spirit das portuguesas Maria e Wilma, gostei tanto que não resisti de divulgar por aqui. A cadeira feita para crianças Purupu, é feita com um novo material chamado DuraPulp.

O DuraPulp, é uma mistura de papel e plástico biodegradável criada pela empresa Södra PulpLab, formando um papel impermeável e de grande resistência, tal como a madeira, aço ou plástico duro. O novo material tem as melhores qualidades do papel: é barato, leve e orgânico.

A cadeira criada com esse material foi apresentada este ano na Semana de Design de Milão e é criação da empresa Claesson Koivisto Rune, formada pelo trio de designers e arquitetos suecos Marten Claesson, Eero Koivisto e Ola Rune.

Outros Blogs